Need for Speed: próximo jogo é adiado para equipe ajudar em Battlefield


A Electronic Arts anunciou que está adiando a produção do próximo Need for Speed, pois a equipe da Criterion foi redicionada para dar suporte à DICE no desenvolvimento do próximo Battlefield.


No final do ano passado a EA revelou que a Criterion estaria trabalhando em um novo título de Need for Speed previsto para o ano fiscal de 2022 - o período compreendido entre abril de 2021 e o final de março de 2022. Com o remanejamento das equipes, o lançamento do jogo de corrida foi adiado para o ano fiscal de 2023, segundo anunciado pela chefe de estúdios da Electronic Arts, Laura Miele. No anúncio a executiva afirma que o próximo Battlefield será "um jogo excepcional, numa escala sem precedentes."


O desenvolvimento de Need for Speed será retomado pela Criterion assim que os trabalhos de colaboração com a DICE estiverem concluídos.


"A Criterion é um dos estúdios de jogos de corrida mais fortes do mercado e o trabalho que eles tem feito no próximo Need for Speed está verdadeiramente inspirado e trará uma vida nova a uma das nossas franquias mais famosas. Daremos à Criterion o tempo necessário para que atinjam todas as expectativas deste jogo e o entreguem durante o ano fiscal de 2023."

A franquia Need for Speed só retornou para a Criterion no ano passado, após a EA transformar a Ghost Games num estúdio de suporte. A Ghost Games foi a desenvolvedora de NFS Rivals (2013), do reboot de 2015, NFS Payback (2017) e NFS Heat (2019).

Para suprir o lançamento de títulos de corrida durante o redirecionamento da Criterion, a EA conta com a recente aquisição da Codemasters, que tem forte tradição neste tipo de jogo.


Fonte: Eurogamer

1 visualização0 comentário